www.cozinhadamarcia.com.br

Entidade nasce disposta a difundir formação para o trade do vinho e da gastronomia no Estado O Rio Grande do Sul acaba de receber uma seção da Associação Brasileira de Sommeliers (ABS-RS). Entre os objetivos da entidade está a formação de profissionais para a cadeia do vinho e da gastronomia. Com sede em Bento Gonçalves, berço da produção vinícola nacional, e unidade em Porto Alegre, a ABS-RS espera somar forças no desenvolvimento do trade da região.

Inicialmente, o projeto se concentrará na serra gaúcha e na região metropolitana da capital gaúcha, dois fortes centros econômicos e intensamente ligados aos setores gastronômico e vinícola. “Educar equipes de profissionais de restaurantes, como também das vinícolas e lojas especializadas, é um dever para associações que vislumbram o desenvolvimento do consumo de vinho em todo o país. E a ABS gaúcha nasce com esse espírito e imbuída de uma união de forças em nome do vinho nacional”, revela Andreia Gentilini Milan, presidente da ABS-RS.

A partir de agosto, a ABS-RS organizará um curso de até sete módulos para formação de sommeliers. A ideia é que o período de aulas se estenda até dezembro. Muito provavelmente as aulas serão lecionadas em vinícolas da serra gaúcha de modo itinerante. A promoção tem apoio das seções paulista e carioca da ABS e contará com o aval da ABS-Nacional. Já em abril, a associação fará pequenos cursos temáticos na capital gaúcha. Os interessados poderão, na ocasião, se associar e ter direito a descontos e outros benefícios por meio das parcerias que a ABS está fazendo no Estado. A anuidade custará R$ 300 e poderá ser paga em seis parcelas bimestrais.

A partir do próximo ano, o plano é levar cursos para grandes cidades do interior como também outros polos vitivinícolas como a Campanha, por exemplo. Além de Andreia Milan, fazem parte da diretoria da ABS-RS o vice-presidente Orestes de Andrade Jr., os diretores de marketing Julio César Kunz e Marcelo Vargas, os diretores de cursos/eventos Maurício Roloff e Vinícius Santiago, os diretores institucionais Junior Maroso e Marcos Graciani, além da tesoureira Regina Fexas e do secretário Fernando Kwito.