Um dos aspectos mais agradáveis que um congresso como o Oxford Food Symposium oferece é a possibilidade de conhecermos muitas pessoas de países diferentes. Algumas vezes temos a chamada sorte grande e para uma cozinheira como eu, não poderia ter tido sorte maior. Novamente minha amiga de Los Angeles apresentou-me uma dupla imbatível de pesquisadores cozinheiros.
Mas são mais do que isso. Eles coordenam um projeto de história viva no Palácio de Hampton Court. Isso mesmo, um castelo lindo e elegante, onde Henrique 8º viveu e aprontou todas como o rei poderoso que era. Inclusive matar as suas esposas quando achava adequado. O motivo era sempre a traição.

Hoje o castelo e seus jardins, à beira do Rio Tamisa, estão abertos ao público, ao mesmo tempo mantém uma série de serviços de conservação. Lá estão as oficinas de bordado da Rainha, onde são dadas aulas e são executados os trabalhos de restauração de tecidos de todas as suas casas como o palácio de Buckingham, o castelo de Windsor e tantas outras.

Mas o mais incrível é que Hampton Court Palace, apesar de todas as reformas, sim isso mesmo, cada novo dono, isto é novo rei da Inglaterra, fazia umas melhorias. Assim pouco sobrou de alguns prédios. Principalmente os mais antigos ou aqueles que sempre precisam de reformas e atualizações como cozinhas e banheiros. Nesse caso a cozinha das tropas que ali moravam no século 16 sobrou intacta. O motivo é um só: eram tão velhas que preferiram construir um novo prédio no século 18. Está tudo lá e, ainda por cima, uma vez por mês você pode comer como um soldado do rei. Com animais que são criados da mesma maneira, legumes usados na época, com panelas, fogo, utensílios que são ou réplicas ou redesenhados com o mesmo material e método da época em oficinas espalhadas por vários países do mundo. Como nós os reis também gostavam de novidades.

Para ver a cozinha funcionando como na época e experimentar a comida basta visitar o em uma das datas a seguir. A visita à cozinha funcionando está incluído no preço do ingresso.
– 6 e 7 outubro;
– 3 e 4 de novembro;
– 1 e 2 de dezembro;
– 27 de dezembro e 1º de janeiro
Veja mais detalhes

Para visitar Hampton Court Palace a partir de Londres:
– De trem, é o ponto final de uma linha que passa por Wimbledon, o trajeto demora em torno de 40 minutos.
– Se estiver fazendo uma conexão no aeroporto de Heathrow, o palácio fica a aproximadamente 20 minutos de taxi.
– Se estiver com tempo (quatro horas ou mais) vá de barco. Durante o verão um serviço regular pelo rio Tamisa sai de Westminter, em Londres. Aproveite o dia para fazer um passeio de barco pelo Tamisa, a paisagem é linda.

Hampton Court Palace