A Andréia me perguntou e achei bem oportuno. Para levar comida par ao trabalho, e para alguém como ela que entrega marmitas, em primeiro lugar tem a questão do transporte. É uma decepção sentir um cheirinho apetitoso e ao abrir a tampa encontrar legumes murchinhos. Sem contar com a dificuldade de colocar tudo em uma só embalagem. As marmitas antigas tinham quatro panelinhas, uma encaixada sobre a outra e presas com uma alça ? na última, a de baixo, colocava-se a sobremesa, sobre ela o arroz, para não esquentar o doce e o legume, depois a carne e por cima o feijão ou a canja.
Para mim uma boa marmita moderna tem legumes al dente quase durinhos, pode ser cada dia um diferente com um molhinho no potinho, um dia vinagrete , no outro maionese, no outro mostarda, por exemplo. E pelo menos três vezes por semana carne refogada: escalopinho com molho de limão, carne assada no molho ferrugem e picadinho de tomate. Para completar arroz e feijão. Se der para mandar o feijão em um potinho à parte, melhor. O doce, quase ninguém mais come… É melhor mandar uma barrinha de cereais.