Poucas pessoas conseguem mostrar tão bem  a relação direta que existe entre a comida e a escrita de uma determinada época como a Nina Horta. A partir da leitura de suas colunas é sempre possível entender melhor o que acontece, ou melhor, o que deveria acontecer com as comidas e suas histórias, também com os problemas e é claro com as suas delícias.  A Nina, na sua coluna de hoje, cita um livro muito interessante – The Raj at Table (Faber and Faber), conta a história da comida no continente indiano a partir do século XVI com a chegada dos primeiros portugueses à região de Goa até a retirada das tropas inglesas após a Segunda Guerra Mundial.

Leia a coluna da Nina Horta no suplemento Comida, publicado na Folha de S. Paulo dessa semana.

O interessante do livro são as histórias e, para quem como eu, sempre quer saber o que e como comemos no Brasil, é muito rico ver como as receitas tradicionais migraram para as mesas, a princípio portuguesas e mais tarde inglesas. Algo semelhante aconteceu por aqui. Fora isso, consegui perder por duas vezes seguidas livro e acabei comprando de novo, para evitar o stress. Aliás, foi o aprendizado de uma vida, agora quando perco algo, vou ali e compro outro igual. Ainda bem que são apenas livros ou as chaves de casa.