www.cozinhadamarcia.com.br

Pedi para algumas indicações para a Vinícola Lidio Carraro. Eles tem vinhos que se caracterizam por experimentar com um grande número de uvas em alguns de seus vinhos e, quando degustados lentamente é possível apreciar os diferentes aromas que aparecem aos poucos, um gole é diferente do anterior. A seguir estão as suas sugestões.

Espumante: Dávidas Espumante Brut

Essa criação celebra as Dádivas que a vida nos presenteia e traduz jovialidade e elegância em uma proposta original e sedutora. Uma linha eclética, alegre e despojada. Coloração amarelo-palha com reflexos dourados, destaca-se pelo perlage fino e abundante. Seu aroma remete a frutas cítricas como maçã verde, abacaxi e frutas como melão e pera, com nuances de flores brancas. Paladar delicado, seco e fresco, cremosidade em boca e boa persistência final. Uma experiência que não pode passar sem ser percebida.Suas características permitem harmonizá-lo com os mais variados pratos.

É ótimo com peixes e frutos do mar, sushi e sashimi, comida thai, carnes brancas assadas, saladas leves e queijos não curados. É sucesso no happy hour, coquetéis e um excelente aperitivo.
Destaque: Espumante oficial da Stock Car e dos Jogos Olímpicos Pan-Americanos Rio 2007 e primeiro lugar na degustação de espumantes Sul-americanos realizada pelo Sabores do Baco.

Vinho tinto: FACES TINTO FIFA WORLD CUP 2014
Onze jogadores em campo. Onze uvas em um vinho. Assim como a Seleção Brasileira de Futebol, o rótulo tinto FACES da Lidio Carraro Vinícola Boutique vai representar o Brasil como vinho Licenciado Oficial da Copa do Mundo da FIFA 2014™, traduzindo o Terroir nacional com a escalação de um time de uvas de diferentes áreas vitícolas representativas das cores, aromas e sabores da nossa terra. O resultado são 26 vinhos no corte em uma obra enológica que homenageia os estados da federação.

Merlot, Cabernet Sauvignon, Teroldego, Touriga Nacional, Tannat, Ancellotta, Nebbiolo, Tempranillo, Pinot Noir, Alicante e Malbec formam a seleção de uvas do tinto FACES. São variedades provenientes de toda a Serra Gaúcha, incluindo o Vale dos Vinhedos que representa a tradicional área de cultivo da uva e vinho no Brasil, e também da metade sul do estado do Rio Grande do Sul, englobando as novas e promissoras regiões vitícolas brasileiras. As uvas selecionadas são de diferentes nacionalidades, uma referência à forte miscigenação do povo brasileiro, formado por imigrantes de vários países. A Lidio Carraro ousou na busca por variedades, e na composição de parcerias com outras áreas produtoras, além daquelas onde cultiva seus vinhedos próprios. “A proposta foi criar um vinho representativo da viticultura brasileira, que traduza no seu conceito, no seu método de elaboração e no seu perfil organoléptico a identidade do Brasil. Foi um grande desafio selecionar uvas de lugares diferentes do Rio Grande do Sul para a criação dos vinhos comemorativos da Copa. Realizamos algo inovador, mobilizando vários parceiros em um projeto concebido especialmente para valorizar a diversidade enológica que simbolicamente expressa a diversidade humana e cultural do Brasil”, explica Monica Rossetti.

No trabalho de criação, os critérios para formação desse time de uvas tiveram como base o estilo desejado para o vinho. “Descontraído e agradável, mantendo o perfil de qualidade reconhecido em outros vinhos da Lidio Carraro. Buscamos representar a alma brasileira que está no imaginário das pessoas: jovem, alegre e criativo. Estamos empolgados com os resultados e acreditamos que será bola no pé e vinho na taça em todo País”, brinca a enóloga.